Selecionando Texto

Seleção múltipla (múltiplos cursores)

Seja bem vindo a um dos mais poderosos recursos do Sublime Text! Podemos dizer que a capacidade de selecionar mais de uma região de texto ao mesmo tempo é um recurso que, uma vez dominado, aumentará rapidamente sua eficiência. Usando múltiplos cursores é possível inserir, remover ou substituir ocorrências de texto em vários pontos do arquivo com facilidade.

Selecionando ocorrências de uma palavra

O primeiro atalho que precisamos aprender é o Selection | Expand Selection to Word (Ctrl+D). Ele é importante pois é o responsável por selecionar a palavra na qual o cursor está posicionado. Uma vez que uma palavra esteja selecionada, experimente digitar Ctrl+D novamente. Você verá que o Sublime Text não apenas vai selecionar a próxima ocorrência daquela palavra como também criará um segundo cursor para a seleção (Figura 8).

Múltiplos cursores com Ctrl+D

Fig. 8 Múltiplos cursores com Ctrl+D

A cada vez que você digitar o atalho, o Sublime Text vai selecionar a ocorrência seguinte da palavra e criar o cursor correspondente. A partir daí, qualquer coisa que seja digitada valerá para todos os cursores que existam na tela.

Caso precise pular uma determinada ocorrência que não queira selecionar, basta fazer Ctrl+K, Ctrl+D e o Sublime Text removerá a seleção atual e selecionará a ocorrência seguinte. Para desfazer uma seleção feita por engano, use o atalho Ctrl+U e o Sublime Text voltará o cursor para a posição da seleção anterior.

Outro atalho que deve ser memorizado é o Find | Quick Find All (Alt+F3). Ele é o equivalente a usar o Ctrl+D para todas as ocorrências da palavra no arquivo.

Nota

Os comandos acima também servem para encontrar e criar múltiplos cursores para as ocorrências de qualquer trecho de texto que esteja previamente selecionado.

Selecionando linhas com múltiplos cursores

As situações nas quais seria útil selecionar o texto que inicia (ou termina) na mesma coluna em várias linhas seguidas são muito frequentes. Então, vamos aprender outro comando indispensável em sua jornada para dominar o Sublime Text.

Experimente usar o comando Selection | Add Previous Line (Ctrl+Alt+Cima) ou Selection | Add Next Line (Ctrl+Alt+Baixo) 1. Veja que, a cada vez que executamos o atalho, um novo cursor é criado na mesma coluna da linha acima ou abaixo.

Se o que você precisa é selecionar linhas inteiras, posicione o cursor na linha desejada e use o comando Selection | Expand Selection to Line (Ctrl+L). Do mesmo modo que acontece com a seleção de palavras, a cada vez que esse comando é repetido, a linha seguinte é adicionada à seleção.

Em seguida, caso queira que cada linha selecionada tenha ser próprio cursor, basta fazer Selection | Split into Lines (Ctrl+Shift+L) (Figura 9).

Dividindo seleção em linhas com Ctrl+Shift+L

Fig. 9 Dividindo seleção em linhas com Ctrl+Shift+L

Usando o mouse

Em algumas ocasiões em que precisamos selecionar uma área retangular de texto, pode ser mais prático usar o mouse ao invés do teclado.

Para selecionar um bloco de texto, clique com o botão direito do mouse enquanto segura Shift e arraste para destacar a área desejada.

Se quiser adicionar novos blocos de texto, clique com o botão direito do mouse enquanto segura Ctrl+Shift e arraste para incluir uma nova área na seleção anterior.

Quando precisar remover uma área da seleção, use o botão direito do mouse enquanto segura Alt+Shift e arrasta para remover a área de texto desejada (Figura 10).

Seleção retangular usando o mouse

Fig. 10 Seleção retangular usando o mouse

Outras possibilidades de seleção

Além dos recursos de seleção múltipla, ainda é possível selecionar texto de acordo com outros critérios. Talvez não seja comum utilizá-los na maior parte das vezes, mas, dependendo do tipo de tarefa que você costuma realizar no Sublime Text, pode ser útil memorizar alguns deles.

Selection | Expand Selection to Paragraph

Seleciona o parágrafo no qual o cursor está posicionado.

Selection | Expand Selection to Scope (Ctrl+Shift+Espaço)

Seleciona todo o escopo no qual se localiza o cursor no momento. O escopo varia de acordo com a sintaxe do tipo de arquivo que está sendo editado. Por exemplo, quando estamos editando um arquivo de texto puro (plain text) e posicionamos o cursor em um determinado parágrafo, o Sublime Text considera que o cursor está em um escopo chamado text.plain meta.paragraph.text.

Selection | Expand Selection to Brackets (Ctrl+Shift+M)

Seleciona todo o conteúdo que está entre chaves, colchetes ou parênteses em relação à posição do cursor. Por exemplo, vamos considerar uma linha como:

d = {a: 1, b: [2.5, "abc", (1, 2, 3)]}

Se o cursor estiver posicionado entre os parênteses ao executar o comando, a seleção será 1, 2, 3. Caso esteja fora dos parênteses, mas entre os colchetes, será 2.5, "abc", (1, 2, 3). Por fim, se estiver fora dos colchetes mas entre as chaves, o texto selecionado será a: 1, b: [2.5, "abc", (1, 2, 3)].

Selection | Expand Selection to Indentation (Ctrl+Shift+J)

Seleciona todo o bloco composto pelas linhas que fazem parte do mesmo nível de recuo de texto ou indentação de código-fonte.

Selection | Expand Selection to Tag (Ctrl+Shift+A)

Seleciona todo o conteúdo entre duas tags XML – ou formatos derivados, como o HTML – relativas à posição do cursor.


1

No Linux as teclas de atalho são Alt+Shift+Cima e Alt+Shift+Baixo, respectivamente.